O encanto de Veracruz e sua gastronomia

Por: Paola Peñafiel

Periodista de Concha y Toro en México

access_time 2019 · 01 · 23

Sobre a costa atlântica, se encontra esta região mexicana famosa por sua história, cultura e sem dúvida, por sua gastronomia. Aqui, através da fusão de ingredientes indígenas com sabores espanhóis, foram criados alguns dos pratos mais representativos do país asteca.

Veracruz é uma cidade localizada no Golfo do México, no município e estado de mesmo nome. Famosa por haver sido fundada por Hernán Cortés há precisamente 500 anos e por se encontrar na região por onde os espanhóis iniciaram a conquista de Tenochtitlan, capital dos mexicas naquela época.

Puerto de Veracruz – CC Eduardo Pavon
Porto de Veracruz – CC Eduardo Pavon

A cidade, e todo o estado, surpreende quem a visita por sua rica história, suas construções coloniais, suas tradições e sua cultura. A influência espanhola e mediterrânea é indiscutível, já que seu porto foi o principal contato entre A Europa e o México por mais de 4 séculos. Como se isso fosse pouco, suas praias e o entorno natural atraem turistas nacionais e internacionais durante todo o ano.

Além de sua história, cultura e paisagens, esta linda região do México se destaca por sua gastronomia. Um dado que vale a pena destacar é que, se a comida mexicana é reconhecida internacionalmente, a cozinha veracruzana é ainda mais dentro do país. Em 2009 foi declarada Patrimônio Cultural do estado de Veracruz.

A impressionante tradição culinária desta região é o resultado da fusão de ingredientes pré-hispânicos com os sabores trazidos pelos espanhóis desde sua chegada. Hoje, as criações que têm surgido desta fusão nos oferecem receitas com um sabor inigualável para deleitar o paladar dos mais exigentes, onde um de seus principais ingredientes são os frutos do mar. Camarões, caranguejos, ostras, polvos, caracóis e diferentes pescados, são usados para preparar caldos, sopas e guisados de incrível aroma e sabor. E com certeza, não pode faltar chile.

Pescado a la Veracruzana
Pescado à Veracruzana – ©Paola Peñafiel

Vamos começar esta maratona culinária com o prato mais importante e conhecido da região, o pescado à veracruzana. Atualmente esta receita é preparada em todo México e é especialmente popular na época das festas de fim de ano. O pescado é dourado em manteiga, principalmente huachinango ou bacalhau, para então ser banhado com um molho à base de tomates, pimentão vermelho, azeitonas e alcaparras temperado com diferentes condimentos. É servido com arroz branco ou com uma salada mista. Para acompanhar este prato uma excelente opção é o Marques de Casa Concha Chardonnay, um vinho complexo e elegante, com notas minerais e de avelãs tostadas que cai muito bem com o pescado na manteiga e no molho.

Outra receita bem típica da região são las picadas que pode ser considerada como entrada ou prato principal. Trata-se de uma panqueca de milho mais larga que a normal e com bordas que se sobressaem ao redor, e sobre ela se coloca algum tipo de molho picante, como vermelho ou verde, carne, creme e queijo. Para este delicioso prato bastante rápido de se preparar recomendamos Trio Merlot, uma montagem desta variedade com Carmenere e Shiraz, de estrutura forte e taninos suaves.

Picadas
Picadas – ©Paola Peñafiel

O Arroz a la tumbada é outro dos pratos importantes de Veracruz que não podemos deixar de destacar. É preparado com camarão, polvo e o caranguejo inteiro, além de cebola, alho, chile chipotle, condimentos e arroz. Cozinhado diretamente no fogo em sua panela de barro, a mesma que se leva à mesa e quando, ainda caldoso, o arroz pronto, é servido rapidamente para evitar que seque. É um prato de sabor forte e contundente que sem dúvida cairá muito bem com Diablo, o novo integrante da família de Casillero del Diablo, uma combinação de uvas tintas nobres, sedoso e equilibrado.

As ostras à diabla é uma receita parecida a “la parmesana” do Chile, mas a versão mexicana, além de ser gratinado com queijo sobre sua concha, é marinada com uma mescla de pimenta, molho de chipotle, toucinho e molho temperado. Um bom acompanhante para as ostras será Gran Serie Riberas Sauvignon Blanc, um vinho branco fresco e intenso, com notas cítricas a lima e toranja.

Compartilhar

É maior de idade?

Sentimos muito,

Você não pode acessar o conteúdo do site se você não for maior de idade.