Concha y Toro

Ania Smolec 26/02/2015

Ostras de Calbuco

São tanto conhecidas quanto sensuais. Seus sabores particulares incendeiam a imaginação dos chefs e admiradores da gastronomia marinha.

Compartil

São tanto conhecidas quanto sensuais. Seus sabores particulares incendeiam a imaginação dos chefs e admiradores da gastronomia marinha. Conheça os vinhos ideais para acompanhar um dos melhores produtos gourmet do mundo: as ostras de Calbuco!

Os conhecedores da gastronomia do mundo todo valorizam muito os peixes e os frutos do mar de águas frias, notando seus aromas intensos e sofisticados. A costa chilena, especialmente no sul do país, desde a região dos Lagos até a Patagônia profunda, é conhecida como uma fonte de frutos do mar da melhor qualidade, graças à presença da corrente fria de Humboldt, que banha sua orla costeira.

A região dos Lagos é conhecida por suas belas cidades, praias e lagos que se levantam aos pés da cordilheira dos Andes. Sua paisagem é verde, úmida, decorada com os picos nevados dos vulcões. Suas igrejas, capelas, festas religiosas, lendas e mitologia oferecem uma forma especial de viver o cotidiano e, sem dúvida, representam um tesouro para os turistas.

A oeste de Puerto Montt nasce um caminho costeiro onde você pode provar peixes e frutos do mar frescos, recém pescados pelos pescadores artesanais de suas numerosas vilas. Um dos lugares mágicos para os admiradores de frutos do mar, e especialmente de ostras, é o arquipélago Calbuco. Localizado a 56 kilômetros ao sudoeste de Puerto Montt, na frente da grande ilha de Chiloé, Calbuco conta com um acesso muito fácil pois está conectado com o continente.

As ostras de Calbuco são conhecidas como as ostras de aba negra. Estes produtos, que se extraem em alto mar, são um verdadeiro tesouro culinário. Sem timidez, oferecem este famoso e sublime sabor marinho, salino, metálico, fresco e iodado. Hoje estas ostras chilenas são reconhecidas no mundo por sua qualidade e intensidade de sabores e, definitivamente, têm todos os atributos para que Calbuco seja reconhecida como uma denominação de origem como produto endêmico.

Tradicionalmente recomenda-se comer ostras como uma entrada fresca, servida fria e acompanhada com um um pouco de suco de limão. Você também pode usar sal, pimenta recém moída ou um toque de azeite de oliva. Se você oferecer ostras em sua casa, sugiro colocá-las abertas sobre uma base de gelo picado em uma bandeja.

Ostras de Calbuco

Este produto gourmet tão cobiçado realça seus sabores com o vinho adequado. Para escolher este vinho perfeito, a primeira consideração é entender que estamos diante de um ingrediente cru, um pouco salgado como a água do mar e com seus sabores extraordinariamente iodados. A natureza das ostras nos convida a realizar uma harmonização clássica: com um vinho espumante de corpo leve até médio, de estilo seco e com uma acidez profunda e vibrante. O Casillero del Diablo Devil’s Brut, com suas notas refrescantes de limões, maçãs verdes e toques minerais, combina muito bem com as ostras. Além de que seu alto nível de sabor umami se harmoniza perfeitamente com o toque metálico-iodado das ostras.Se você decidir fritar ou gratinar as otras, um vinho espumante, também de estilo brut, mas com um pouco mais de amadurecimento de suas borras, será sua resposta para fazer uma deliciosa harmonização.

A ostra é um fruto do mar que vive em sua concha, o que agrega notas minerais adicionais. Este toque salino-mineral particular das conchas também identifica e marca o terroir do vale do Limarì com seus solos calcáreos. Por isso outra harmonização maravilhosa, clássica e elegante é com o Marques de Casa Concha Chardonnay. É um vinho com uma grande fineza, com uma textura sedosa e aromas concentrados, que captura toda a mineralidade dos solos e o frescor do clima costeiro do Limarì. Você pode encontrar no seu bouquet alguns aromas de pêra branca, brisa marinha e frutas tropicais.

Ostras Casillero Sauvignon Blanc

Para uma harmonia perfeita, as ostras têm que mostrar suas notas salgadas em equilíbrio com a acidez do vinho. Então um vinho branco com alta acidez é sempre bem-vindo com este produto. Se você prefere um vinho tranquilo, sem borbolhas, pode optar pelo Casillero del Diablo Sauvignon Blanc para desfrutar de uma combinação deliciosa com suas ostras. A cepa Sauvignon Blanc contém notas de limão, de casca de limão e outras frutas cítricas que dão um frescor adicional ao prato.

Se você busca uma paisagem bonita, uma natureza próxima e um patrimônio histórico, com certeza a Região dos Lagos é o seu destino de férias. Enquanto você descansa e aproveita o entorno exuberante, lembre-se que pode desfrutar das otras mais deliciosas do mundo, acompanhadas, claro, pelos melhores vinhos.