Concha y Toro

Francisca Jara 23/08/2021

Notícias CyT

Empresa B: A conservação de vinhedos e de vegetação nativa

Compartil

Abril de 2021 marcou um momento muito importante para a Viña Concha y Toro quando, após um processo de avaliação de mais de dois anos, foi certificada como Empresa B. Você pode estar se perguntando o que é uma Empresa B? Apesar de ser um movimento global que redefine o sucesso empresarial, em resumo, as Empresas B™ são aquelas que cumprem os mais elevados padrões em termos de desempenho social e ambiental, transparência e responsabilidade corporativa.

Embora existam cerca de 4.000 Empresas B certificadas em mais de 150 indústrias e 74 países, a Viña Concha y Toro é a maior empresa vitivinícola a aderir a este movimento. 

Este fato histórico para a comunidade B no Chile faz parte de um trabalho contínuo no campo da sustentabilidade que vem sendo realizado pela vinícola há mais de uma década. Uma parte importante do compromisso foi medir o impacto social e ambiental da empresa, considerando as consequências a longo prazo de suas decisões.

De acordo com esta filosofia, as ações de cuidado e de conservação do meio ambiente têm sido fundamentais. E não poderia ser de outra maneira, uma vez que o vinho é um produto proveniente do solo vivo onde crescem as videiras. Entretanto, seu território não é apenas o lar dos vinhedos, mas também de história, da flora e da fauna nativas. 

Com o objetivo de preservar essa biodiversidade, a Viña Concha y Toro se tornou, em 2019, a primeira vinícola do mundo em certificar seu patrimônio florestal sob a certificação FSC para fins de conservação (FSC® – C154029). Com esta certificação, a vinícola se compromete a trabalhar em uma série de ações de conservação, incluindo um plano de prevenção de incêndios florestais, restauração de áreas degradadas, monitoramento da biodiversidade presente, entre outras. Todas essas ações devem ser implementadas nos 4.272 hectares de floresta esclerófila mediterrânea nativa que a empresa possui e protege no Chile e também através de seu Programa de Conservação da Floresta Nativa.

Localizadas na região do Vale Central chileno, as florestas esclerófilas estão distribuídas em nove fazendas. Uma delas é o Fundo Idahue que, com 1.632 hectares na VI Região, destaca-se por suas florestas de alto valor de conservação, as quais estão intimamente ligadas aos vinhos Casillero del Diablo Merlot, Casillero del Diablo Malbec e Casillero del Diablo Cabernet Sauvignon, pois são o local de cultivo das uvas que dão origem a essas mesclas tintas.

Mas é também uma floresta que abriga uma flora e fauna muito ricas, incluindo espécies endêmicas ameaçadas de extinção, como a rã-chilena (Calyptocephalella gayi) e o gato-chileno (Leopardus guigna). Isto, juntamente com a descoberta de restos arqueológicos pré-colombianos, transformam esta propriedade em uma área que a vinícola nos convida a respeitar e a valorizar, como parte do compromisso assumido ao desempenhar um papel de destaque na conservação deste tipo de florestas esclerófilas. 

Vinhos Relacionados

20
19

Merlot
Ver mais

20
19

Malbec
Ver mais

20
19

Cabernet sauvignon
Ver mais